Domingo, 9 de Maio de 2004

Depois do Nada III.

Depois do nada,
É a razão,
Que nos traz
De novo á vida.
Volto á superfície,
Depois deste longo
Mergulho em mim.
Sim mergulhei
Bem fundo.
Em sítios, onde
Poucos se aventuram.
Procurei-me,
Caminhei por
Veias e artérias.
Tecido mole,
Neurônios.
Fui impulso
Electrico e percorri
Todo o meu corpo.
Redescobri-me em mim.
Redesedenhei-me.
Sou um outro eu,
Sou Primavera!
Sou Luz!
Sou Vida!
Depois do Nada!


autor: Jorge Assunção
2004/05/09
in Tou no Top
publicado por Jorge dAlfange às 16:44
link do post | comentar | favorito
|
42 comentários:
De grilinha a 9 de Maio de 2004 às 17:34
Gostei do final desta tua reflexão. Depois do "Nada" o "Renascer"


De jorgebond a 9 de Maio de 2004 às 17:40
Grilinha, sabe sempre bem o renascer, afinal ainda vale a pena! Grande beijinho.


De MissLadyMystery a 9 de Maio de 2004 às 18:58
Quando olhamos bem dentro de nos percebemos que somos tudo um pouco só temos de procurar bem dentro de nós... Um beijo doce


De jorgebond a 9 de Maio de 2004 às 19:01
MissLadyMystery, foi o que tentei, depois do nada. Beijos.


De Susana a 9 de Maio de 2004 às 21:19
Metamorfoses :)Bjinhos


De Armando a 9 de Maio de 2004 às 22:47
È bom quando,temos a capacidade de fazer uma avaliação do nosso interior.E darmos a volta por cima.Parabéns.Um abraço


De Pink Lady a 9 de Maio de 2004 às 23:11
Se queres que te diga , bond, eu últimamente tenho feito exactamente o que descreves no teu poema! Pareces bruxo! Eu juro que não te contei nada! Beijão!


De Penelope a 10 de Maio de 2004 às 00:28
Sei que desapareci... mas estou a tentar voltar... queres dar-me alguma força ? Bj


De MWoman a 10 de Maio de 2004 às 01:02
A terceira parte do nada! A eterna busca de nós próprios.Adorei o final do poema. Muito bom! Beijos e votos de uma boa semana.


De jorgebond a 10 de Maio de 2004 às 09:30
Susana, pois, metamorfoses, sem elas não conseguiremos sobreviver, beijos.


Comentar post

.mais sobre mim

.Junho 2011

Dom
Seg
Ter
Qua
Qui
Sex
Sab

1
2
3
4

5
6
7
8
9
10
11

12
13
14
15
16
17
18

19
20
23
24
25

26
27
28
29
30


.posts recentes

. Vagueando ao vento...

. De vão em vão...

. Que te incomoda isso??

. Nesta dor que sinto...

. Ode ao Mar...

. Páscoa feliz

. Break time...

. Rosas da calçada

. Sindarin

. April 25... ?

.arquivos

. Junho 2011

. Outubro 2010

. Junho 2008

. Março 2008

. Julho 2007

. Maio 2007

. Abril 2007

. Março 2007

. Fevereiro 2007

. Novembro 2006

. Outubro 2006

. Setembro 2006

. Agosto 2006

. Julho 2006

. Junho 2006

. Maio 2006

. Abril 2006

. Março 2006

. Fevereiro 2006

. Janeiro 2006

. Dezembro 2005

. Outubro 2005

. Setembro 2005

. Agosto 2005

. Julho 2005

. Junho 2005

. Maio 2005

. Abril 2005

. Março 2005

. Fevereiro 2005

. Janeiro 2005

. Dezembro 2004

. Novembro 2004

. Outubro 2004

. Setembro 2004

. Agosto 2004

. Julho 2004

. Junho 2004

. Maio 2004

. Abril 2004

. Março 2004

. Fevereiro 2004

.tags

. fotos

. poesia

. santarém

. santarem

. todas as tags

.SCAL-TUGA

SCALTUGA.gif
blogs SAPO

.subscrever feeds